"/> VALEU, TIME DE GUERREIROS

VALEU, TIME DE GUERREIROS

Universo/Vitória se despede da NBB nas semifinais após campanha histórica

14.05.2017

O Universo/Vitória lutou até o fim, mas acabou se despedindo do NBB CAIXA 2016/2017 neste domingo (14). O rubro-negro baiano foi derrotado pelo Paulistano/Corpore por 70 a 67, no Ginásio Antônio Prado Júnior, em São Paulo, no terceiro jogo da semifinal.

Com o resultado, o time paulista fechou a série em 3 a 0 e se classificou para a final do campeonato. Mas não há o que lamentar. O time de guerreiros do Universo/Vitória fez história nesta temporada do NBB CAIXA ao ser o primeiro time do Nordeste a chegar em uma semifinal do campeonato de basquete mais importante do país. Além disso, o clube também é o único da região a vencer uma série de playoffs.

Para estar entre os quatro melhores do país, o Universo/Vitória terminou a primeira fase na sétima colocação. eliminou o Campo Mourão nas oitavas de final e venceu o Mogi/Helbor, atual campeão sul-americano, nas quartas de final. A campanha histórica, em apenas dois anos de disputa no NBB, credenciou o Leão a disputar uma competição internacional na próxima temporada.

O treinador do Vitória, Regis Marrelli, comentou sobre a temporada e este grande feito. “Fizemos três jogos parecidos nas semifinais, mas acabamos perdendo nos detalhes.  Foi uma campanha muito legal. Desde o início percebi que esse grupo se gosta muito, se entrega em quadra, luta ao máximo e eu tenho muito orgulho de ser técnico deles. Agora é bola pra frente! Começar uma nova temporada, planejar da melhor forma possível. Tivemos conquistas importantes, o basquete hoje é falado em Salvador, os soteropolitanos sentem orgulho da equipe. Estou muito orgulhoso de participar desse projeto”, disse Regis.

Bem lembrado. É inegável o apoio da torcida rubro-negra ao basquete do Vitória. A Constelação de Leão caiu no gosto da nação que comparecia em peso às partidas no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras em Salvador, e nos ginásios país afora, como foi o caso deste domingo (14), no Antônio Prado Júnior, em São Paulo. Pela transmissão, ouvia-se claramente o grito da torcida empurrando o time. Durante o evento comemorativo pelos 118 anos do clube, neste sábado (13), o público reagiu, espontaneamente, com a entrada dos atletas representando o Universo/Vitória na sessão de homenagem aos Esportes Olímpicos, e gritou: “Guerreirô-ô-ô, guerreirô-ô-ô… Guerreirô, time de guerreiro!”. Um dos grandes momentos da festa.

O Vitória e a sua torcida estão orgulhosos por toda a trajetória do basquete rubro-negro no Novo Basquete Brasil. Estamos entre os quatro melhores do país em apenas dois anos de competição. Para o alto, e avante, pois nem o céu é o limite para vocês, Leões! A gente se encontra na próxima temporada e no Campeonato Sul-Americano de Basquete!