"/> OS MELHORES DE TODOS OS TEMPOS

OS MELHORES DE TODOS OS TEMPOS

Os seguidores do Vitória nas redes sociais oficiais do clube escalaram o melhor Vitória. O que você achou? Confira a escalação

30.12.2017

O Esporte Clube Vitória delegou aos seus torcedores e seguidores nas redes sociais, a responsabilidade de montar o Vitória Legends – a escolha do melhor Vitória de todos os tempos. Os internautas votaram por posição e a seleção foi finalizada neste sábado (30), com a escolha do melhor técnico.

O engajamento da torcida rendeu! Foram mais de 7 mil votos em menos de uma semana de enquetes. As redes sociais rubro-negras escalaram o Vitória Legends com: Viáfara; Apodi, Gabriel Paulista, David Luiz e Esquerdinha; Vanderson, Willian Farias, Ramon e Petkovic; Marinho e Neto Baiano. O técnico responsável em fazer o time jogar é Vagner Mancini, que também tem uma escalação alternativa à disposição, com Dida, Rodrigo, Tanajura, Anderson Martins e Leandrinho; Vampeta, Fernando, Escudero e Mário Sérgio; Ricky e Bebeto.

Que o Leão tem uma das maiores torcidas jovens do Brasil, não é novidade. Porém, o resultado foi surpreendente! No Vitória Legends, há nada menos do que seis jogadores ainda em atividade: Apodi, Gabriel Paulista, David Luiz, Willian Farias, Marinho e Neto Baiano. Sem contar Vagner Mancini, atual comandante do Vitória. A maioria dos votos foi registrada no perfil oficial do clube no Instagram (@ecvitoriaoficial), rede que tem a maior parte dos seguidores com idade entre 18 e 24 anos (36%). No total, também foram computados os votos no Facebook e Twitter.

Para se ter uma ideia, nenhum mito da histórica formação ofensiva de 1972, que tinha Osni, André Catimba e Mário Sérgio, entrou na seleção. Flávio Tanajura, atleta que mais vestiu a camisa do time, teve votação suficiente para ficar entre os suplentes. E o que dizer de Bigu, Ricky, Alex Alves e Vampeta? A verdade é que não tem camisa (nem colete) pra todo mundo. Vamos analisar, posição por posição, os nomes escolhidos por você, torcedor que segue o Leão nas redes sociais do clube:

Goleiro: Apesar da disputa polarizada, Viáfara, ídolo entre 2008 e 2011, venceu Dida com folga. O pentacampeão do mundo com o Brasil em 2002 e vice-campeão brasileiro pelo Leão em 1993 teve 308 votos, contra 502 do colombiano. Menções honrosas a Fábio Costa (semifinalista do Brasileirão 1999) e Borges.

Lateral direito: Uh, é Apodi! Além dos cabelos esvoaçantes e sua incrível velocidade exibida no Barradão entre 2006 e 2009, o resultado só comprovou ser ele um dos maiores xodós da torcida. O potiguar natural de Apodi (RN) teve 314 votos, contra 295 de Rodrigo Chagas, atual treinador da equipe sub-17 e ídolo do clube na década de 90.

Lateral esquerdo: A posição que teve a votação mais surpreendente. Esquerdinha, lateral do tri estadual em 1997 e negociado em seguida com o futebol europeu, superou Leandrinho, bola de prata em 1999. Esquerdinha obteve 179 votos, contra 167 do seu concorrente.

Zagueiros: A dupla escolhida pela galera rubro-negra está fresca na memória: Gabriel Paulista e David Luiz. Gabriel, que hoje defende o Valencia (Espanha), vestiu as cores do Vitória em 2010 e 2013 e foi recentemente convocado pela Seleção Brasileira (200 votos). David Luiz, jogador do atual campeão inglês Chelsea, foi símbolo da campanha rubro-negra na Série C de 2006 (178 votos). Ali, já se via que ele era diferenciado. A dupla eleita superou alguns mitos como Flávio Tanajura, Tinho e Anderson Martins.

Volantes: Símbolo de raça, Vanderson pegou a camisa 5 logo na largada (347 votos). O jogador, uma das principais peças na campanha finalista da Copa do Brasil em 2010, faz dupla com Willian Farias (197 votos), atual capitão do Vitória. Mistura boa essa, Pittbull e Viking. Eles superaram alguns baluartes rubro-negros como Vampeta (vice-campeão brasileiro em 93) e Fernando (quem não se lembra do hat-trick contra o Vasco, naquele 5 a 4 de 1999?).

Meias: Quem é “reizinho” nunca perde a majestade. A enquete com maior votação teve Ramon Menezes como o mais votado na posição com mais ídolos na história do Leão. Além de Ramon, que obteve 492 votos, o sérvio Petkovic ficou com a outra vaga no meio, com a preferência de 392 seguidores rubro-negros. O Reizinho da Toca e Pet superaram outros ídolos, como Mário Sérgio, Arthurzinho e Escudero.

Atacantes: A marra prevaleceu. Tem dupla de ataque mais irreverente do que Marinho e Neto Baiano? O camisa 11 de 2016 teve 455 votos e o maior artilheiro do Barradão teve 333. Desbancaram lendas como Bebeto e Ricky, que ficaram na condição de suplentes, além do saudoso Alex Alves, que completaria 43 anos neste sábado (30), e outros ídolos, como Catimba, Osni, Índio, Pichetti, Nadgol, Edilson, Aristizabal e Dinei.

Técnico: A briga foi boa na escolha do comandante do Vitória Legends. Com 171 votos, o atual treinador do Leão, Vagner Mancini, também assumiu o posto entre as lendas do Leão, seguido por Fito Neves, com 106.

E você, torcedor? Se estivesse no lugar de Mancini, faria alguma troca neste time? Dos 22 escolhidos, seja titular ou não, uma coisa é certa: só tem lenda!