COLETIVO MOVIMENTADO

Chamusca comanda treino e testa Juninho como meia

07.02.2019

A reapresentação rubro-negra ocorreu nesta quinta-feira (7), dia da apresentação do ídolo Neto Baiano, e após a goleada por 4 a 0 diante do Jequié, no Barradão. O técnico Marcelo Chamusca aproveitou para continuar com as observações e comandou um coletivo entre reservas, com participação de alguns garotos do time sub-17.

Os titulares no dia anterior limitaram-se ao regenerativo passivo no vestiário e uma atividade recreativa no campo 1 do CT Manoel Pontes Tanajura, com a finalidade de minimizar o desgaste físico.

No coletivo, Chamusca colocou Juninho como meia, posição na qual o jogador voltou a atuar quarta-feira, após nove meses afastado por contusões. O lateral-esquerdo passa a ser uma opção para jogar no meio-campo.

Chamusca assistiu ao coletivo sentado na arquibancada do CT juntamente com o assistente técnico Ademir Ferreira. Flávio Tanajura, outro assistente, apitou no treino e o time formou com: Caíque; Wellisson, Gabriel, Bruno Bispo e Arroyo; Wesley, Léo Gomes e Juninho; Nickson, Cléber e Luan Ferreira.

No segundo tempo, Chamusca substituiu Juninho e Arroyo passou a função de meia, entrando um garoto do sub-17 para ocupar a lateral-esquerda. Luan Ferreira saiu e Farinha o substituiu.

O grupo volta a treinar na tarde desta sexta-feira (8) seguindo com a preparação para a partida diante do Bahia de Feira, domingo (10), às 16h, na Arena Cajueiro, em Feira de Santana, pela quinta rodada do Campeonato Baiano.

Com a goleada de quarta, o Vitória passa a dividir com o próximo adversário a liderança por pontos ganhos (10), sendo superado no número de gols marcados: 9 contra 8.

O zagueiro Thales e o atacante Andrigo deram prosseguimento ao tratamento dos problemas musculares que deixaram ambos de fora do jogo passado.

Fotos: Maurícia da Matta/EC Vitória