"/> BASE EM AÇÃO

BASE EM AÇÃO

Vitória Cidadania vence pela oitava vez e está nas semifinais, enquanto sub-15 e sub-17 não passam do empate e voltam a jogar na terça-feira (14) à tarde pela semifinal do Baiano

13.11.2017

Os times da Divisão de Base rubro-negra entraram em ação neste fim de semana e o Sub-14 se destacou. A garotada do Projeto Vitoria Cidadania avançou às semifinais da Copa de Futebol Dente de Leite, após vencer o MAF, por 2 x 1.

Pelo Campeonato Baiano das categorias sub-15 (infantil) e sub-17 (juvenil), o rubro-negro não conseguiu reverter a vantagem e, na próxima terça-feira (14), precisarão ganhar do Jacuipense no Estádio Governador Roberto Santos para obter a classificação às finais.

COPA DENTE DE LEITE

Para quem ganhou os sete primeiros jogos por goleadas, o placar de 2 a 1 foi apertado. Porém, quem assistiu à partida pôde constatar que o time 2003 do Vitória poderia ter saído do CT Manoel Pontes Tanajura com outro placar expressivo.

Chances não faltaram, mas somente em duas oportunidades a bola entrou. Riquelme marcou 1 a 0 no primeiro e Patrick aumentou o placar no segundo tempo. O time sofreu o primeiro gol na Copa, quando estava ganhando por 2 x 0. Até então, não havia tomado gol.

“Tivemos umas quatro chances no primeiro tempo e outras no segundo. O adversário jogou todo atrás, bem postado e organizado, mas fomos superiores”, analisa o professor Luciano Pereira.

Com oito vitórias, 39 gols marcados e somente um sofrido, o Vitória Cidadania está nas semifinais e, nesta segunda-feira (13), conhecerá seu adversário e o local da partida.

 

Semifinais contra o Jacuipense no sub-15 (foto 1) e no sub-17 (foto 2) terminaram em empate

INFANTIL E JUVENIL

No período da tarde, no campo 1 do CT Manoel Pontes Tanajura, foram disputados os jogos de ida das semifinais do Campeonato Baiano.

O infantil empatou por 1 x 1, gol de Ramon, enquanto o juvenil não saiu do 0 a 0. O Jacuipense, com isso, manteve a vantagem, e terça-feira (14), as equipes comandadas por Adolfo Teles (sub-15) e Rodrigo Chagas (sub-17) terão que se superar para passar às finais do Baianinho.

#VaiPraCimaLeão